UA-56073282-1
website maker
Cultura do besouro do amendoim

Meu grande amigo Felipe Feitoza esteve em minha residência e me trouxe de presente uma boa muda de musgo e uma cultura de besouro do amendoim.
Aquarismo Pzu

O Besouro do Amendoim (Palembus dermestoides), produz larvas que não ultrapassam 1 cm de comprimento, sendo por isso as mais indicadas para criação de alevinos de pequeno porte. 

O Besouro do amendoim é um Coleóptero, da família Tenebrionidae. Tem origem asiática, provavelmente chinesa. Foi introduzido em nosso país por pessoas que os utilizavam com fins terapêuticos, no tratamento de asma principalmente. Poderes afrodisíacos também são atribuídos ao consumo desse pequeno inseto.

Como montar uma colônia?

- caixa de criação

Pode ser um pote de vidro, uma caixa plástica ou de madeira, um aquário que esteja encostado ou seja qualquer recipiente que acomode bem as pequenas larvas.

Aquarismo Pzu

Pote grande de vidro

Pode ser um pote grande de azeitona ou qualquer coisa parecida.

Aquarismo Pzu

Caixa plástica.

Pode ser usada uma caixa plástica desde que possua tampa que permita renovação do ar na cultura.

Aquarismo Pzu

Aquários

São os recipientes mais usados para a criação.






- substrato
Farelo de trigo é ótimo para fazer uma camada com cerca de 2cm de altura no fundo do recipiente. Esse será o local onde as larvas irão viver. O farelo deve ser esterilizado antes do uso, e para isso basta colocá-lo no congelador por 24h.

Aquarismo Pzu


Amendoim cru (com ou sem casca)
O ácido araquidônico presente no amendoim é essencial para esses insetos.
Primeira regra quando se utiliza amendoim: sempre procurar adquirir produtos da melhor qualidade possível, pois o risco de contaminação por fungos é alto.
Espalhe sobre a superfície amendoim triturado, ou em grão, ou no caso do fornecimento de amendoim com casca, será necessário fazer uma abertura numa das extremidades para facilitar o acesso dos insetos. Os besouros normalmente colocam seus ovos dentro dos grãos

Aquarismo Pzu






Fatias de pão integral
Pão Preto, Pão de Centeio, Pão de Cereais, de preferência pães mais úmidos. Coloque fatias de pão cobrindo metade da superfície do substrato.

Aquarismo Pzu


- Fonte de umidade
Recomenda-se o fornecimento de alguma fonte de umidade de 2 a 3 vezes por semana, sendo que as sobras desses alimentos devem ser retiradas no dia seguinte ao fornecimento.
Devem ser utilizadas cascas de bananas e colocadas com a parte branca virada para cima, de maneira que a umidade não entre em contato com o substrato.
Também podem ser utilizados os seguintes alimentos, desde que bem lavados e isentos de agrotóxicos:
- Legumes: fatias finas de cenoura, chuchu,...
- Frutas: casca de maçã, pêra,...
- Verduras: couve, repolho,...

Aquarismo Pzu




- larvas
O tamanho das larvas vai de 1 a 10 mm e chegam a permanecer nesse estagio por até 2 meses.
Durante o crescimento, trocam a casca quitinosa de 5 a 10 vezes, conforme a temperatura e umidade relativa, capacidade de consumo, tipo de alimento e a interação entre esses fatores. 

Aquarismo Pzu





- Pupas

A larva interrompe seu crescimento, diminui a atividade e adquire o formato de uma letra “C”.
É um estado considerado crítico, pela possibilidade de morte por desidratação.
Permanecem nesse estágio cerca de 1 semana.

Aquarismo Pzu






- Besouros

Medem cerca de 5 mm de comprimento por 1mm de largura. Chegam a viver por 15-20 meses.

Aquarismo Pzu
Cuidados
Se houver excesso de umidade na criação de insetos, principalmente no inverno, aparece algo parecido com um polvilho nas paredes do recipiente este é o “ácaro da farinha”. Ele é muito pequeno, mas se for observado com atenção pode-se ver que se movem lentamente. Este ácaro mata as larvas lentamente.
Tratamento: passar todo conteúdo da caixa para uma forma de pizza e expor ao sol direto por 10 minutos. Em seguida, lavar bem a caixa com água e sabão e recolocar os insetos e o substrato. Limpar a borda superior da caixa com álcool. Repetir o processo diariamente até que os ácaros desapareçam.
Reprodução
São animais noturnos, e por isso recomenda-se um local sombreado para sua criação.
Estes coleópteros se desenvolvem melhor em ambientes com o clima quente e úmido. Temperatura ideal entre 25-30°C e umidade relativa 70-90%. Calor e frio em excesso matam os besouros.
Possuem ciclo completo: ovos – larvas – pupas – besouros
Esse texto foi elaborado pelo zootecnista Gilberto Schickler, a partir de informações fornecidas pelo pesquisador argentino Ruben Dieminger, que estuda o uso medicinal do Besouro do Amendoim.
Agradeço a visita do amigo Felipe e construí uma caixa de madeira para os meus besouros, quero aumentar a colônia. Vamos ver o que vai acontecer.
Espero que tenha gostado.
Até breve, valeu Pzu
NASA - Nada Anda Sem Amor.
25-11-2013

FACEBOOK COMMENTS WILL BE SHOWN ONLY WHEN YOUR SITE IS ONLINE

© Copyright Plataforma 2018 Mobirise - Conteúdo Aquarismo Pzu - Todos os direitos reservados.